Repressão desproporcional da PM-DF marca ato de estudantes junto ao MEC

111111111111111111111fly

Hoje(26), estudantes da UnB, em Brasilia, Distrito Federal, fizeram o que era pra ser um ato tranquilo em frente ao MEC pra lutar contra os cortes de verbas, contra a emenda constitucional do teto dos gastos e pela liberação do uso da verba própria da UnB. Ao chegarem perto do MEC, no entanto, os estudantes foram surpreendidos com a presença pesada da cavalaria e da força nacional.

2222222222222222222222222222222222

https://www.facebook.com/juntosdf/videos/2014612945457574/

A PM-DF e Força Nacional não deixaram os estudantes nem ficarem em frente ao MEC. Após menos de 5 minutos que os manifestantes estavam lá, sem que os estudantes e trabalhadores fizessem nada, a cavalaria partiu pra cima jogando bombas de gás e tiros de balas de borracha. Informações dos organizadores do evento dão conta de que pelo menos dois estudantes foram detidos e de que várias pessoas ficaram machucadas.

2222222222222222222222222222

Os organizadores da manifestação, afirmam “Não vamos admitir que calem as nossas vozes! A violência da polícia é pra manter o silêncio do MEC sobre o estrangulamento e precarização das universidades públicas. Temos que organizar uma solidariedade nacional aos detidos e feridos imediatamente e fortalecer as nossas lutas”.

222222222222222222222222

Fotos: Midia Ninja

Colaboração: Juntos DF

CSS

Add your Biographical Info and they will appear here.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *